Meus Artigos

Para o Ano Novo


Para o Ano Novo

E aí, quais são as novidades ? Vai se fazer de misterioso mais uma vez? Ando curiosa  para saber o que pretende  comigo.

Não quero parecer  ansiosa, mas estou contando os dias para a  sua chegada. Acho até que vou colocar  uma roupa nova  para esperar a sua chegada; faço questão de que me encontre bonita .

Para começarmos com o pé direito, como você gosta , vou comprar uma garrafa de champanhe ; brindaremos á nossa saúde no momento em que cruzarmos os olhos. Feliz- é assim que o quero, Ano novo, e farei tudo ao meu alcance para que isso seja possível . Se  dependesse de mim, sua estadia  entre nós seria alegria após a outra. Receio , porém , que de mim pouco dependa.

Sobre o ano que está indo embora : Este ano foi um ano cheio.

Foi cheio de coisas boas, mas também cheio de problemas, perdas e desilusões.

Tudo bem.

Às vezes se espera demais das pessoas.

Normal.

A grana que não veio, o amigo que decepcionou, o amor que acabou?

Muda o século, a década  muda, mas o homem é cheio de imperfeições, a natureza tem sua personalidade que nem sempre é a que a gente deseja, mas e aí?

Fazer o quê?

Acabar com seu dia?  

Com sua esperança?

O que eu desejo para todos nós é sabedoria!

E que todos saibamos transformar tudo em uma boa experiência!

O nosso desejo não se realizou?

Beleza, não tava na hora, não deveria ser a melhor coisa pra esse momento (me lembro sempre de um lance que eu adoro: CUIDADO COM SEUS DESEJOS, ELES PODEM SE TORNAR REALIDADE).

Chorar de dor, de solidão ou de tristeza faz parte do ser humano.

Não adianta lutar contra isso.

Mas se a gente se entende e permite olhar o outro e o mundo com  empatia ,  as coisas ficam diferentes.

Desejo  a você ano novo que traga a todos nós  esse olhar especial.

 

Não posso esquecer que , com a quantidade de festejos e comemorações com que o enchem aqui no Brasil, você passa entre nós quase sem ser percebido. Quando começamos a nos restabelecer das festas da sua chegada , já estaremos no Carnaval . Depois , vem o feriado de semana Santa, e aí são as férias de julho,e, de repente , você já está arrumando as malas para ir embora .

Falando nisso: gostaria de  dizer que eu não tenho expectativas em relação ao que vai me trazer,mas na verdade tenho sim. Principalmente porque você sabe tudo de que eu preciso e tem espaço suficiente para que várias dessas coisas caibam .

Sabe também que eu não sou muito fã surpresas, então não se esforce demais para me  surpreender. Se por acaso me trouxer algumas más notícias, tudo bem , mas tente não ser abrupto. Sei que vários problemas estão fora do seu alcance; portanto, prometo não me aborrecer caso algo não venha como eu esperava.

Traga o que trouxer – fique tranqüilo- você  será recebido com foguetes. Pois sua chegada, sempre tão pontual e garantida, com suas promessas, sempre tão amplas e verdadeiras, renova, em todos nós , a esperança  que vai-se embora, um pouco, a cada dia. E ai, ai, ai , já está chegando a hora .

Por  Alessandra André  - psicóloga  -( Releitura da  Carta de Fernanda Young )


Voltar

 

Dra. Alessandra Rosa Andre
Rua Fernando Falcão, 298 - Mooca - São Paulo - SP
Rua Edmundo Xavier, 264 - Tatuapé - São Paulo - SP


Desenvolvido por SB Studio